segunda-feira, 5 de maio de 2014

Cobra-de-pernas-tridáctila ou fura-pastos

(Chalcides striatus) - Cuvier, 1829

Este réptil, da família scincidae, com o corpo coberto de escamas brilhantes, distribui-se por França, Itália, Portugal e Espanha.

Podemos encontrá-la nos matagais e florestas de clima temperado e mediterrânico, nos campos de gramíneas, terras cultiváveis, jardins e pastagens abandonadas.

É uma pequena cobra, cujo comprimento não ultrapassa os 25 cm, com a característica sui generis de possuir quatro pequenas patas com três dedos cada uma, que usa nas suas deslocações normais. Já quando se sente em perigo recolhe-as (contra o corpo) e desloca-se a grande velocidade com movimentos laterais do corpo e da cauda, como qualquer outra serpente.

Os escaravelhos, as aranhas, os grilos, as lesmas e as moscas constituem a sua dieta preferida.

São ovovivíparas, reproduzem-se durante a Primavera e o Verão, as crias, em numero que pode variar de 1 a 15, nascem em Julho ou Agosto.

Há quem não a considere uma cobra mas antes um lagarto. Outros ainda admitem que não é mais que a prova viva da evolução dos lagartos para as serpentes.

Reino:    Animalia
Filo:       Chordata
Classe:   Reptilia
Ordem:   Squamata
Família:  Scincidae
Género:  Chalcides
Espécie: C. striatus

Imagens captadas na Quinta da Casa Nova, Cortiçadas, Montemor-o-Novo.










Enviar um comentário